Weby shortcut
Facebook Grafica

Entrevista a Weverton José Cardoso de Oliveira

Atualizado em 20/11/14 08:31.

ENTREVISTAS AOS MEMBROS DO QUADRO DO CEGRAF/ UFG

• Entrevista a Weverton José Cardoso de Oliveira, servidor TAE da Divisão Gráfica do CEGRAF/ UFG no período de 1981 a 1983.

PERGUNTA (P.). Por que o senhor decidiu começar a trabalhar na Imprensa Universitária?
RESPOSTA (R.). Na época, como eu já possuía interesse por esse setor, fiz o concurso e passei.

(P.). Como eram as instalações da antiga Imprensa Universitária?
(R.). As instalações eram parecidas com as reproduzidas pelo Ateliê Tipográfico do CEGRAF/ UFG.

(P.). Quais funções o senhor desempenhou ao longo da sua trajetória profissional no CEGRAF/ UFG?
(R.). Quando entrei no CEGRAF/ UFG, eu era tipógrafo. No entanto, ao longo dos anos, passei a ser arte finalista.

(P.). Quais são as principais mudanças que houve no CEGRAF/ UFG, nas últimas três décadas, segundo a sua experiência?
(R.). De acordo com a minha percepção, as principais mudanças ocorridas no CEGRAF/ UFG foram a automatização das máquinas e a mudança da tipografia para as máquinas digitais.

(P.). Quais são as suas melhores e piores lembranças deste órgão suplementar?
(R.). Dentre as piores lembranças, está o cheiro do chumbo, que além de ser muito forte, é tóxico. Dentre as melhores, estão as amizades que eu conquistei neste órgão suplementar e que preservo até hoje.

(P.) Quais são as funções que atualmente desempenha na UFG?
(R.) Atualmente estou alocado na FIC/ UFG e trabalho na preparação da voz para o uso profissional da fala nos cursos de Jornalismo, Relações Públicas e Publicidade e Propaganda.

weverton

Listar Todas Voltar